Os perigos da depressão: sintomas e tratamentos

É preciso realizar tratamentos adequados e mudar alguns hábitos para acabar com a depressão

A depressão é uma doença que atinge cada vez mais pessoas. Segundo pesquisas, uma em cada cinco pessoas vai ter a doença em algum momento da vida.

Ela pode ser causada por vários fatores como a genética (sim, se houver casos na família, a chance de se ter é maior), estresse, problemas financeiros, problemas emocionais, etc.

Na maioria dos casos, os fatores psicológicos e sociais acabam também sendo consequência da depressão, quando o indivíduo não tem mais ânimo para realizar as atividades que estava acostumado.

As mulheres normalmente são mais vulneráveis à depressão do que os homens. Idosos e pessoas com doenças crônicas também tem maior risco de desenvolver a doença, assim como as pessoas solitárias.

Sintomas da depressão

Os principais sintomas da depressão são:

  • Baixa auto-estima
  • Desânimo
  • Cansaço constante
  • Desinteresse e apatia
  • Falta de motivação
  • Indecisão
  • Pensamentos negativos
  • Ansiedade
  • Estresse e irritação
  • Falta de apetite
  • Insônia
  • Dificuldade de concentração
  • Memória fraca

Tratamento para a depressão

O tratamento para a depressão é feito com remédios específicos. Existem milhares de anti-depressivos e após o diagnóstico correto, o médico vai indicar aquele que possa ter melhor resultado.

Muitas pessoas vêem os anti-depressivos como a solução definitiva para os problemas, e com isso ficam dependentes deles.

É preciso enxergar os remédios como uma solução temporária, apenas para regular o que está errado.

Sinais de depressão

Se pensar assim e seguir alguns hábitos saudáveis, dificilmente a depressão vai voltar e você não vai precisar ficar dependente de remédios.

Alguns hábitos indicados para deixar a depressão longe são: praticar atividades físicas regularmente, manter uma alimentação saudável, realizar atividades em grupo e evitar ficar muito tempo sozinho.

Força!

A depressão é um problema sério, muitas vezes incompreendido. Além da medicação, você precisa buscar forças para fazer coisas que possam te ajudar a se animar.

Acredite, funciona!

Quando sentir que está deprimido, saia de casa. Vá tomar um banho de sol, passear no parque, conversar com pessoas. Vá visitar seus familiares ou amigos.

Nem sempre é fácil, eu sei. Mas faça um esforço. Uma boa dica é fazer uma viagem para um lugar novo. Vá com pessoas queridas a um lugar que nunca foi.

Isso vai ajudar, pois você terá novas lembranças, de momentos agradáveis em companhia de pessoas que gostam de você e querem o seu bem.

E evite se fechar. Procure sempre conversar e desabafar com quem você confia, mesmo que seja um psicólogo.

Tudo vai melhorar!

[Total: 1    Média: 5/5]
Compartilhe: