Dicas para melhorar a vida sexual do casal

Desfrutar de uma vida sexual plena é sinônimo de bem-estar físico e emocional. Muitas vezes, nos relacionamentos há momentos em que ocorre a oscilação da libido, o que acaba afetando o bem estar entre o homem e a mulher, mas nada que um estimulante ou um gel peniano não resolva.

Conheça as principais dicas para melhorar a vida sexual do casal, aqui neste artigo.

O que causa a diminuição da libido?

Há muitos fatores que podem estar por trás dessa situação, como problemas emocionais e de humor, doenças, estresse e ansiedade, o relacionamento com nosso parceiro. Em muitos casos, o principal problema que nos impede de desfrutar De uma maneira completa é a falta de desejo sexual.

A perda de interesse em relações sexuais afeta especialmente as mulheres quando a menopausa chega, mas não é algo exclusivo do gênero feminino. Nesse sentido, os homens também são afetados pela falta de desejo sexual. As razões são variadas, tanto físicas como psicológicas, e variam de monotonia a baixa auto-estima, ansiedade, modéstia, falta de iniciativa.

Quando a falta de desejo sexual é detectada, os especialistas recomendam abordar o problema e não deixá-lo ir. A nosso favor, temos o fato de que não é uma situação irreversível. Há gestos e hábitos que podem nos ajudar a estimular o desejo sexual e desfrutar novamente da sexualidade plena. Nós dizemos a você:

Dicas para melhorar a relação sexual entre o casal

Saia da rotina 

A monotonia é um dos grandes inimigos do sexo. Embora nos últimos tempos as drogas que prometem multiplicar nossa libido e desejo sexual tenham proliferado, a verdade é que pouco deve ser feito se a pessoa ao nosso lado não nos atrai. Em muitos casos, a rotina está por trás da perda do desejo sexual, de modo que, para alimentar o desejo, é necessário se reinventar.

Não é uma mudança apenas no nível físico e sexual, mas pode ser simplesmente convidar nosso parceiro para jantar ou compartilhar uma nova experiência, como exemplo, fazer uma massagem, entre outros.

Inove

Sexo também é jogo. Quem enfrenta relações sexuais como um mero processo cai em um erro grave. Dar importância às carícias e prolegômenos, propor novas posições, tentar realizar nossas fantasias sexuais, recorrer a brinquedos e, finalmente, seduzir e surpreender nosso parceiro é essencial para estimular o desejo sexual.

Aceite seu corpo e reduza suas demandas

Se não aprendermos a aceitar nosso corpo como ele é, com suas virtudes e defeitos, nunca poderemos desfrutar de uma vida sexual plena. As inseguranças são inimigas do desejo sexual, portanto, livre-se delas. Quanto mais seguros nos sentimos com nós mesmos e com nosso corpo, mais poderemos desfrutar do sexo. Também é essencial esquecer preconceitos e reduzir suas demandas para o seu parceiro. 

Se ele tem algum problema com seu corpo, como por exemplo, pênis pequeno ou sofre de ejaculação precoce, ele pode tomar algum suplemento ou utilizar cremes para engrossar o pênis. Veja um exemplo no vídeo abaixo de um produto:

Comunicação com o parceiro

 Nós deixamos este conselho para o final, mas é provavelmente o mais importante de todos. E é que a comunicação com o nosso parceiro é essencial para aumentar o desejo sexual. E é para todos os aspectos do nosso relacionamento e logicamente também para o plano sexual.

Devido a timidez ou vergonha, muitas vezes nos cortamos quando se trata de dizer ao nosso parceiro o que gostamos na cama e nossas fantasias sexuais.

Às vezes, a falta de desejo sexual está associada à falta de prazer que algumas pessoas experimentam. E às vezes, isso é precisamente porque não foi transmitido ao outro o que realmente gostamos  É importante discutir essas questões para obter 100% de satisfação de nossas relações sexuais.

[Total: 2    Média: 5/5]
Compartilhe: